KUNG FU

Originalmente o Kung Fu era uma prática essencialmente meditativa.
Porém, para que a mente possa render ao máximo, é necessário um corpo saudável também.
Assim nascia o Kung Fu há milhares de anos, como uma forma de harmonizar corpo, mente e espírito, por meio de suas práticas físicas e meditativas. 

Ao longo da história veio a tornar-se uma arte marcial, famosa por suas performances no cinema através de expoentes famosos como Bruce Lee, JAckie Chan, Jet Li entre muitos outros.
Foi de extrema importância para a defesa da China contra inúmeros ataques sofridos ao longo da história.
Nós da ASKF TAOM procuramos ensinar este Kung Fu tradicional que promove o equilíbrio entre 
corpo, mente e espírito.
Através da execução das formas que são tratadas como uma meditação em movimento, o praticante memoriza e desenvolve técnicas de luta se preparando para mais adiante praticar suas aplicações práticas em lutas e situações reais de combate.
O Kung Fu é extremamente rico e completo. Tem uma variedade enorme de técnicas e estilos, cada um com sua peculiaridade. Abrange técnicas de lutas com mãos livres, de luta a distância, submissão, projeções, quebramentos e uma infinidade de técnicas que utilizam armas brancas.

Na ASKF TAOM você poderá praticar:

• Estilo Louva-a-Deus
Introduzido na ASKF pelo seu fundador, Mestre Dirceu Amaral Camargo, é um dos estilos mais praticados no mundo pela sua grande eficiência e objetividade.
É um estilo de Kung Fu do norte da China, inspirado nos movimentos do animal Louva-a-Deus, que apesar de pequeno é extremamente voraz.
Conta a história conta que o estilo foi criado pelo guerreiro Wong Long a partir observação da luta entre um louva-a-deus e uma cigarra aliados aos movimentos do macaco. Ao desenvolver este estilo, Wong Long teria vencido com certa facilidade monges do Templo ShaoLin, sendo então convidado a compartilhar seu conhecimento com eles.
É um estilo rico em movimentos curtos e rápidos, com socos em sequência não só de forma convencional, mas também utilizando as costas da mão em movimentos circulares. Usa uma poderosa arma que são os cotovelos que, combinados com técnicas de agarrar e soltar desequilibram o adversário, fazendo penetrações e evasivas rápidas. Com as mãos em forma de pinças, ataca pontos vitais como olhos, têmporas e garganta e de forma combinada ataca também articulações, reduzindo a mobilidade do adversário podendo causar a este sérios danos. O estilo também desenvolve um grande trabalho de pernas, utilizando tanto chutes altos como chutes baixos e utilizando os pés como “ganchos” para travar o oponente.

• Estilo Hung Ga
Introduzido na ASKF TAOM pelo Mestre Renato Calheiros de Barros, sob a supervisão do Grão Mestre Frank Yee (Yee Chi Wai), 4° geração de Wong Fei Hung.
É um estilo do sul da China, vulgarmente conhecido como estilo do Tigre. Também é conhecido por Hung Gar ou Hung Kuen (Punho da família Hung).
Comprovadamente reconhecido por criar equilíbrio entre corpo e mente e também como defesa pessoal.
O HUNG GA tem origem no Templo Shaolin, mas seu desenvolvimento foi na parte Sul da China. O maior expoente do nosso estilo de arte marcial foi o lendário Herói Chinês Wong Fei Hung, interpretado no cinema entre outros por Jackie Chan e Jet Li.
Apesar das técnicas de luta devastadoras, o mais importante do sistema HUNG GA é desenvolver o crescimento físico e mental do praticante, através do treinamento do corpo e aprendizado da filosofia da arte marcial.
O estilo Hung Ga sistematizado por Wong Fei Hung concentra técnicas de 5 animais (tigre, garça, serpente, dragão e leopardo) em conjunto com a teoria dos 5 elementos da natureza (fogo, madeira, água, terra e metal).
O Kung Fu Hung Ga foi considerado por muito tempo o estilo mais completo de combate da China. Treina técnicas de defesa e ataque de modo que o praticante possa usar em defesa pessoal, lutas competitivas ou em apenas demonstrações.
Os Movimentos de Hung Ga são de simples assimilação, podendo ser praticados por qualquer pessoa de qualquer idade. Porém, ao aprofundar o treinamento, revela por trás de movimentos simples, ensinamentos profundos e técnicas fascinantes.
Atualmente pode ser praticado na unidade Motivação Escola Oriental, em breve poderá ser praticado na matriz.

• Boxe Chinês (Sandá)
O combate com mãos livres tem o nome de Sandá, também conhecido no Brasil como Boxe Chinês.
Embora as regras do Sandá não permitam a luta agarrado, em nossa escola procuramos aliar ao Sandá técnicas de Shuai Chiao, também conhecido como judô chinês, constituindo assim uma técnica mais completa para o combate competitivo, aliando à chamada “trocação”, que é a luta em pé e a distância, técnicas de projeções, quedas, quebramentos, chaves e submissão.

• Tai Chi Chuan
O Tai Chi Chuan é uma técnica considerada “interna”.
Através de técnicas de respiração, meditação e controle da energia interna (Chi), os movimentos são realizados numa cadência que fortalece a musculatura e o sistema cardiovascular, aumenta o equilíbrio e o controle da mente, aumentando assim o poder de concentração e foco do praticante.
Na ASKF TAOM ministramos Tai Chi Chuan estilo Yang não tradicional.